Game of Thrones 5ª temporada

Game of Thrones 5ª temporada crítica

Chega ao fim mais uma controversa temporada da adaptação literária das Crônicas do Gelo e Fogo. Nessa temporada, como na anterior, foram adaptados os livros Festim dos Corvos e Dança dos Dragões simultaneamente.

A temporada começou num ritmo lento, arrastado. O arco de Daenerys(Emilia Clake), Brienne(Gwendoline Christie) e Jaime(Nikolaj Coster-Waldau) foram os mais lentos. Jaime e Bronn(Jerome Flynn) indo resgatar Myrcella(Aimee Richardson) beirava o cômico e em nada a adaptação fez jus à personagens tão interessantes como as Serpentes da Areia. Brienne e Podrick(Daniel Portman) quase não aparecem. O único episódio que causou uma tensão no núcleo da mãe dos dragões foi o The Sons of Harpy e em Hard Home, episódio esse que, aliás, foi o melhor episódio da temporada. O dialogo entre Daenerys e Tyrion(Peter Dinklage) foi um dos melhores da série. Foi emocionante ver os dois atores, que em cinco anos nunca haviam contracenado, juntos, finalmente .

A cada temporada a série se afasta mais dos livros. Claro que se trata de uma adaptação, são formatos diferentes, há muita coisa envolvida, como enxugamento do número de personagens (necessário), dinâmica no desenvolvimento do enredo, etc. Mas certas coisas fogem demais do que As Crônicas do Gelo e Fogo apresentam. Antes que digam, em nome dos Sete, não sou um hater. Mas não há como negar que personagens foram descaracterizados e até possíveis spoilers foram revelados.

Por exemplo, o Stannis(Stephen Dillane). No livro é descrito como um homem correto, que luta pelo que acha que é direito seu, que preza pela sua família, acima de tudo sua filha (há uma parte que ele fala que pretende conquistar o trono pra deixar para ela). Na série o que vimos foi um homem frio, obcecado pelo trono de ferro. Shireen (Kerry Ingram) foi sacrificada numa das cenas mais chocantes da série. Apesar de os produtores não terem mostrado a “cena em si” os gritos agonizantes encerram um trágico capitulo.

Tragédia e violência são coisas que não faltam na obra de RR Martin, quem acompanha a série e os livros sabe muito bem. Porém são questionáveis algumas escolhas dos roteiristas, como a criação da cena do estupro de Sansa Stark (Sophie Turner). Para começar, segundo o livro, nem lá ela está e a jogada dos Bolton para tomar Winterfel tem sucesso sem tocar num fio de cabelo de qualquer Stark . No livro cria-se uma tensão crescente, uma rebelião está em curso, comandada por Lord Manderly de Porto Branco, o Norte se lembra. Na série o Norte parece mesmo ter Alzheimer e Sansa é a boneca de todos os freaks de Westeros. Segundo os produtores, substituíram Jeyne Poole (que no livro é a verdadeira noiva de Ramsay Bolton, e está se passando por Arya(Maisie Williams)) por Sansa pra aproveitar melhor a atriz Sophie Turner, já que o arco dela na série (seguindo os livros) já teria acabado na temporada anterior. Havia necessidade de mais tortura para essa personagem só pra “aproveitar a atriz”?

Não que a temporada tenha sido ruim, teve cenas ótimas, como a caminhada da Cersei(Lena Headey), a Arya(Maisie Williams) exercendo sua vingança contra Meryn Trant (Ian Beattie) (até que enfim um lobo que ataca de verdade), o diálogo da Daenerys com Tyrion, como já foi citado e a melhor de todas, a cena dos Patrulheiros da noite sendo atacados pelos caminhantes brancos.

Quem leu os livros se deparou com algumas coisas que podem indicar o futuro nos livros, como a morte de Shireen, e talvez a morte de Stannis ( digo talvez pois a série fez questão de não deixar isso claro).

A série encerra a temporada com o triste fim de um dos mais queridos personagens, Jon Snow(Kit Harington). Em um motim seus companheiros o matam covardemente, e assim se encerra a saga de Jon “know nothing” Snow…ou não. Nos livros da-se a entender que Melisandre(Carice van Houten) estava tramando alguma coisa a respeito de Jon, no bom sentido. Na série ela coincidentemente volta à muralha um pouco antes do assassinato e, por alguns segundos, quando Snow agoniza no chão, é possível ver seus olhos mudando um pouco de cor. O ator disse em entrevista para EW que “está morto” e que “não volta para a sétima temporada”. Justamente, ele disse TEMPORADA , não para a série. E há alguns meses atrás saiu uma noticia sobre os contratos renovados para o show e citava Kit Harrington como um dos atores renovados . Será?

Agora resta esperar cerca de 10 meses até a próxima temporada ou até o próximo livro, se Mr. George RR Martin resolver terminar o mesmo. Ele diz que em 2016, ou 2017 termina…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s