Relatos Selvagens Crítica

Relatos Selvagens: comédia sombria sobre o pior da natureza humana

Hoje vou falar de um filme marcante, daqueles que te fazem rir enquanto te acertam um coice na cara. Relatos Selvagens, filme  argentino de 2014, escrito e dirigido por Damien Szifrón. Humor negro, situações surreais e uma boa dose de violência são os argumentos para retratar o que a natureza humana tem de pior a oferecer.

Nessa antologia temos seis pequenas histórias que mostram o modo como os personagens lidam com situações no mínimo desagradáveis em suas vidas. Diante de uma injustiça ou frustração geralmente as pessoas tendem a seguir em frente, superar. Algumas, no entanto, explodem. É sobre essas pessoas o tema de Relatos Selvagens. Suas reações extremas e as consequências inesperadas que se seguem.

Poderia ser uma antologia a la Kubrick, sobre alguém perdendo aos poucos o controle, iniciando uma reação em cadeia rumo a loucura total ou redenção. Poderia ser talvez mais surreal e chocante, tipo Lars Von Trier. Mas a vibe aqui está um pouco mais para Tarantino, onde a violência vem misturada ao cômico.

IMG2 “Pasternak”, “Las ratas”, “El más fuerte” e “Bombita”(com o renomado ator Ricardo Darín) trazem a vingança como subtema. “La Propuesta” é a história mais obscura das seis e fala de ganância, ética e justiça. A última história é “Hasta que la muerte nos separe”, onde um casamento se torna um verdadeiro show de horrores. O ponto alto nesse último ato fica por conta da atuação intensa de Erica Rivas como a noiva Romina. Não sou fã de festas de casamento mas definitivamente essa valeria a pena conferir, com uma câmera em uma mão e uma taça de champanhe na outra.

Além do roteiro, direção e as atuações, também merecem destaque o visual, a fotografia, a montagem, os enquadramentos e a trilha sonora. Ou seja: pacote completo de alta qualidade.

Não é de hoje que o cinema argentino está surpreendendo com produções de alto nível. Fica a recomendação de mais essa pérola produzida por nossos queridos hermanos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s