The Flash – Review da terceira temporada

The Flash encerra sua 3ª temporada com Finish Line, um episódio fraco e com desfecho absurdo, muito digno dessa temporada que foi igualmente ruim

A temporada tinha um arco principal no qual Barry, ao saber que Iris morreria nas mãos do vilão Savitar num futuro próximo, buscava de modo incansável um meio para evitar esse trágico evento.

Na temporada inteira o time buscou algumas soluções bem pouco inventivas para salvar a garota, afinal não vimos sequer eles pensarem na possibilidade de levarem Iris para outra realidade, para a Terra da Supergirl, por exemplo. O crossover mais recente entre Flash e Supergirl só serviu para cantoria e romancinho piegas.

Chegou a ser tedioso ver inúmeras vezes ao longo da temporada a cena de Iris morrendo. Outra chatice foi ter que aguentar os diálogos motivacionais de cada episódio. A série criou padrões que espero que não continuem na próxima temporada

img2.jpg O fim da temporada (spoilers a frente)

O episódio final começa com um plot-twist extremamente forçado. HR foi introduzido nessa temporada para cobrir a ausência do Harrison Wells da Terra 2. O ator Tom Cavanagh demonstrou muita habilidade mostrando a mudança de personalidade entre as três versões do mesmo personagem e, de longe, HR é o mais divertido dentre eles, servindo de alivio cômico mais do que Cisco. No entanto ficou claro que o roteiro dessa temporada foi preguiçoso na resolução da questão da morte da Iris e a solução foi a mais absurda possível. Aparentemente Iris havia morrido mas, convenientemente, ela estava no lugar de HR e vice versa, pois usaram o dispositivo holográfico do escritor. HR assume uma culpa que não era dele e se sacrifica no lugar de Iris num ato heroico, enganando o vilão. Deixemos de lado toda a problemática dessa estratégia e vamos nos focar na questão emocional. As reações do grupo pela perda do amigo foram péssimas. HR morreu e a única que pareceu ficar realmente abalada foi Tracy, que tinha acabado de chegar. O resto ficou triste mas, já que Iris sobreviveu, vamos comemorar! Foi um desperdicio desse personagem que estava indo muito bem.

No final não poderia faltar o discurso motivacional, agora de Barry para Barry, numa cena bizarra com Savitar dentro do Star Labs e perto de todo mundo, inclusive da Iris! O discurso não surte efeito, o que nos leva ao embate final preguiçoso, cheio de clichés e situações improváveis.

A série precisa reencontrar seu caminho, voltar a divertir e empolgar, de preferência arriscando menos com viagens no tempo. Dentre todas as séries de heróis da CW foi Flash aquela que teve a temporada mais fraca até agora.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s