Rick and Morty – Review da terceira temporada

Rick and Morty é uma das maiores animações do mundo pop atual, disso não há mais dúvida. A série tem uma enorme legião de fãs, loucos pelas viagens (literalmente) que as aventuras do cientista louco e bêbado Rick e seu neto Morty apresentam, sempre repletas de críticas ao mundo atual.

E a espera pela terceira temporada foi longa. Dois anos se passaram e então, em abril, um episódio foi lançado, sem muitas informações sobre os outros. Foi no final de julho que a temporada começou a ser exibida semanalmente, para o alivio dos fãs. O criador da série, Dan Harmon , até se desculpou pelo atraso e disse que queria fazer uma temporada com excelência. Seu objetivo foi alcançado e o terceiro ano da série traz relações entre os personagens muito mais aprofundadas, sem deixar o humor non sense de lado.

img2Um dos episódios mais falados da temporada foi o terceiro: “Pickle Rick”. Nele, como o titulo já diz, Rick se torna um Picles e o episódio mescla muito bem o humor e a violência, num excelente timming de cenas. A série também continua recheada de referências, que ocorrem o tempo todo. Destaque para “Rickmancing the Stone” e “Vindicators 3: The Return of Worldender” trazem referências de Mad Max e Vingadores, respectivamente.

Como já citado, houve aprofundamento nas relações entre os personagens, principalmente entre Rick e sua filha Beth. Ficou ainda mais claro que Beth só quer a aceitação e reconhecimento do pai. O cientista por outro lado começou a amolecer e a reconhecer mais a filha. Morty no entanto parece muito menos paciente com seu avô, sempre questionando-o e se irritando com ele.

Um dos melhores episódios da temporada (e da série) , “The Ricklantis Mixup” , teve grande repercussão entre os fãs, tendo ganho excelentes reviews dos sites especializados. O episódio mostra uma cidadela povoada apenas por várias versões de Ricks e Mortys, onde a maioria dos “RIcks” são de cargos elevados e os “Mortys” de cargos mais baixos. Inúmeras questões sociais são levantadas, fazendo o espectador pensar. Outro ótimo episódio é “Morty’s Mind Blowers”, onde os criadores mostram todo seu poder imaginativo ao trazer as memórias apagadas de Morty.

img3

Essa temporada termina com um episódio com pontas soltas e algumas dúvidas, mas nada comparável ao “cliffhanger” deixado pela season finale anterior. Mas, mais uma vez, foi uma excelente temporada e trouxe um belo toque de drama junto as temáticas já conhecidas. Se depender das ideias malucas de Dan Harmon e Justin Roiland, que inclusive já disseram em entrevista que a próxima temporada poderá contar com mais episódios, ainda vamos rir muito desse avô e seu neto. Resta saber quando vamos poder conferir. Que recomece a expectativa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s